22/10/2013 - 17h53
Timóteo realiza novo LIRAa nas residências
Agentes de endemias visitam casas para verificar o índice de infestação da dengue; último número aponta 6,2%


PMT
I002253.jpg
AGENTE DE ENDEMIA -1 -LIRAA 21.10.13/ruttp:/

A Prefeitura de Timóteo iniciou nesta semana um novo Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) para verificar os índices de infestação do mosquito da dengue nos bairros da cidade. Equipes da Vigilância em Saúde estão percorrendo ruas e visitando residências em todos os bairros na busca por possíveis focos de dengue. A pesquisa terá o fim de balizar as ações de prevenção contra o surgimento de novos casos da doença no município, que somente este ano atingiu mais de 6 mil pessoas e causou uma morte em Timóteo.

 
De acordo com a Vigilância em Saúde, 15 agentes estão realizando a pesquisa, que começou na última segunda-feira pelos bairros das regiões Leste e Nordeste. Foram visitadas cerca de 400 residências nos bairros Macuco, Alphaville, Distrito Industrial, Recanto Verde, Limoeiro (e Ocupação), Santa Terezinha, Nova Esperança, Alegre, Eldorado, Santa Maria, Olaria, Cruzeirinho, Quitandinha, Novo Horizonte, Serenata e Garapa.
 

Ontem, a equipe visitou mais 430 casas aproximadamente nas regionais Sul e Sudeste. Os agentes verificaram caixas d’água e vistoriam quintais e outras áreas em busca de possíveis criadouros de larvas e mosquitos da dengue. Os bairros visitados foram Centro Sul, Ana Rita, Santa Cecília, Nossa Senhora das Graças (Cirilo), São José, Bela Vista, Ana Malaquias, Primavera, Parque Recanto, John Kennedy, Timirim, João XXIII e Córrego do Caçador.

 

POPULAÇÃO


A equipe de agentes relata que os moradores estão sendo bastante solícitos para abrir suas casas e recebê-los. “Eles sabem da importância de cuidar para não deixar a dengue tomar conta”, relata o supervisor Carlos Alberto Santos. Segundo ele, a população pode ajudar ainda mais tomando os já conhecidos cuidados para evitar o surgimento de focos.
 

Carlos Alberto conta ainda que a situação verificada nas casas na pesquisa desta semana está bem melhor que o último LIRAa realizado em março deste ano, quando 6,2% das residências apresentaram focos da dengue. “Está bem melhor, a população parece estar mais consciente, no entanto é preciso manter um cuidado constante”, afirmou.

 


Fonte : PMT




Galeria


VEJA TODOS COMENTÁRIOS


ATENÇÃO: Este comentário será moderado, podendo ser aprovado ou não. Evite palavras que possam comprometer sua imagem.

Nome:
Email:

Enviar


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/07/2015 - 18h04

03/07/2015 - 17h42

03/07/2015 - 17h30

03/07/2015 - 17h20

03/07/2015 - 17h16

03/07/2015 - 17h13

02/07/2015 - 17h39

02/07/2015 - 17h34

01/07/2015 - 17h18

01/07/2015 - 17h14