13/06/2013 - 16h35
Prefeitura adere ao Saúde nas Escolas



A Prefeitura de Timóteo está promovendo uma maior interação entre a saúde e a educação no município. A Secretaria Municipal de Saúde de Timóteo aderiu ao Programa Saúde na Escola com o objetivo de desenvolver políticas de saúde voltadas às crianças e adolescentes das escolas do município. O programa está vinculado ao Estratégia de Saúde da Família (ESF)  e ao Bolsa Família para promover ações como capacitação de profissionais das redes de educação e saúde além de fornecer material didático aos jovens.

 
Doze escolas e uma creche do município serão selecionados para aderir ao programa e estes deverão possuir alunos cadastrados no Bolsa Família. Segundo o secretário de Saúde, Ricardo Martins, o município que adere ao Programa Saúde na Escola recebe uma verba extra do governo federal como incentivo. “Quanto melhores forem os resultados obtidos, maior o percentual repassado ao município”, explica Ricardo.


Uma das exigências do programa é a formação de um grupo de trabalho intersetorial  (GTI) que favorece a organização dos serviços e oferece uma visão compartilhada sobre uma mesma família. “Não há mais espaço para políticas fragmentadas. É preciso ter uma visão integrada para entender o impacto na condição de vida da família”, afirma Vinícius Lana, diretor técnico em Saúde.

PROGRAMA


A Gestão do Programa Saúde na Escola é centrada em ações compartilhadas e co-responsáveis, desenvolvidas por meio dos Grupos de Trabalho Intersetoriais, numa construção em que, tanto o planejamento quanto a execução das ações, são realizadas coletivamente de forma a atender às necessidades e demandas locais por meio de análises e avaliações construídas entre os vários setores.


O Programa Saúde na Escola aproveita o espaço privilegiado da escola para práticas de promoção e prevenção da saúde. Segundo explica Isabel Cristina Silva Domingues, enfermeira coordenadora de programas, a articulação entre a escola e a rede básica de saúde vai trazer benefícios como organizar o fluxo de atendimento, facilitar o acesso aos serviços de saúde, avaliar a acuidade visual, as condições físicas e o desenvolvimento geral dos jovens.


O Programa vai educar os alunos a ter uma alimentação mais saudável e prevenir quanto ao abuso do álcool e drogas, doenças sexualmente transmissíveis e gravidez precoce, além de outros temas.

 


Fonte : PMT





VEJA TODOS COMENTÁRIOS


ATENÇÃO: Este comentário será moderado, podendo ser aprovado ou não. Evite palavras que possam comprometer sua imagem.

Nome:
Email:

Enviar


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/08/2015 - 22h28

03/08/2015 - 17h40

03/08/2015 - 17h38

31/07/2015 - 18h00

31/07/2015 - 17h58

31/07/2015 - 17h57

29/07/2015 - 17h27

29/07/2015 - 17h04

29/07/2015 - 16h46

29/07/2015 - 14h17