27/12/2018 - 16h54
Timóteo moderniza sistema rotativo de estacionamento
Novo gerenciamento permitirá mais transparência e acesso às informações pela população


PMT
I017958.jpg
Faixa Azul_Vista aérea da Praça 1º de Maio_Timóteo

A partir de janeiro o sistema de estacionamento rotativo em Timóteo passará a funcionar em um novo sistema. A iniciativa faz parte do programa de modernização e reorganização do centro comercial do município desenvolvido pela Prefeitura o que possibilitará a democratização da utilização do espaço público e, consequentemente, o reordenamento do trânsito.

A gestão do estacionamento rotativo é do Instituto Maçônico de Projetos Sociais (IMAG) de Timóteo que detêm a concessão para a exploração do Faixa Azul. A partir de um pedido do prefeito de Timóteo, Douglas Willkys de que o sistema fosse modernizado, o IMAG contratou a empresa Faixa Azul Minas que desenvolveu a gestão para o gerenciamento de estacionamento rotativo público. Timóteo é a oitava cidade brasileira a contar com essa ferramenta tecnológica da empresa Faixa Azul Minas.

Ao todo, o Município destinou 600 vagas para estacionamento rotativo, dos quais 5% serão asseguradas para idosos e 2% para deficientes. Ao mesmo tempo, haverá “zonas de escape” para quem preferir estacionar sem pagar pela vaga. Outra inovação é a cobrança fracionada, ou seja, o motorista pagará somente pelo tempo em que a vaga foi utilizada.

 

Transparência

Ao estacionar na vaga numerada, o consumidor terá a placa do seu veículo lançada no sistema por um monitor por meio de aplicativo. A partir de dez minutos após o lançamento da placa no sistema operacional, começa a contabilizar o período de utilização, que estará limitado em duas horas para aquela vaga. Dentro desse período, o motorista poderá usar outras vagas sem ter que pagar a mais por isso.

Para ter acesso à vaga de estacionamento, o consumidor pode comprar com os monitores, em postos de venda credenciados, pelo site faixaazulminas.com.br, ou por meio do aplicativo.

Outra inovação é que a prefeitura terá acesso ao sistema de gestão e aos recursos gerados, informações que serão disponibilizadas para toda a população. Segundo o controlador interno da prefeitura, Thiago Andrade Castro, essa modernização do sistema vai garantir uma maior  eficiência e transparência dos recursos recebidos, sendo que 50% do lucro líquido será revertido para a Prefeitura de Timóteo. “A prestação de contas será divulgada no Portal da Transparência do Município”, informou Thiago Castro.


Fonte : PMT




Galeria