18 de maio em Timóteo é marcado por vídeo de conscientização

Um abraço simbólico na palavra “Proteção” convoca munícipes à denunciar a violência contra crianças e adolescentes
PMT
I022318.jpg
Proteja Nossas Crianças!

Nesta segunda-feira, 18 de Maio, “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, aponta uma triste realidade brasileira.  Instituída pela Lei Federal 9.970/2000, a data é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes na maioria dos municípios. Em Timóteo, a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social divulga materiais educativos pela internet sobre a prevenção da violência contra crianças.

A data (18 de Maio) foi marcada com a produção de um vídeo onde participaram os representantes da Rede de Proteção às Crianças no município. A gravação aconteceu no gramado do Campo do Palmeiras, no bairro Primavera, onde os protagonistas formaram a palavra “Proteja” e depois fizeram um círculo à sua volta para convocar a sociedade a abraçar a causa da proteção. O vídeo será divulgado a partir desta segunda-feira (18/05) nas redes sociais, site e facebook da Prefeitura.

A violência sexual contra meninos e meninas ocorre tanto por meio do abuso sexual intrafamiliar que registra a maioria das ocorrências ou interpessoal como na exploração sexual.  “É preciso mostrar que existe uma rede socioassistencial para proteger as crianças e adolescentes”, afirma a secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Rosanna Borges Moura. A secretária convoca toda a sociedade a denunciar qualquer tipo de violência contra as crianças. “Nós temos a possibilidade de fazer denúncias anônimas pelo Disque 100 ou pelos telefones locais (31) 3849-6716 (Centro de Referência Especializado da Assistência Social) e pelo (31) 3849-1758 (Conselho Tutelar).

A Rede de Proteção às Crianças no município é formada pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (CRAS e CREAS), Ministério Público, Polícias Civil e Militar, Poder Judiciário, Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente, Instituições de Acolhimento (Ipê e Lar Jesus de Nazaré) e Conselho Tutelar. Em 2020 são comemorados 30 anos de criação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e 20 anos de criação do Plano Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes.
 

Fonte : PMT

Compartilhe:

Galeria de Imagem