Casais são habilitados para o Serviço de Acolhimento em Família Acolhedora de Timóteo

O serviço consiste no acolhimento de crianças e adolescentes afastados da família de origem por decisão judicial em razão da violação dos seus direitos
PMT
I029606.jpg
As famílias foram habilitadas para o serviço

Nesta semana, mais precisamente no dia 16 de maio, o prefeito de Timóteo Douglas Willkys e a secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social Rosanna Borges, juntamente com a equipe da pasta, participaram da entrega de certificados para as duas primeiras famílias habilitadas pelo Serviço de Acolhimento em Família Acolhedora. 

O serviço consiste no acolhimento de crianças e adolescentes afastados da família de origem por decisão judicial em razão da violação dos seus direitos.  O serviço tem como objetivo, como o próprio nome diz, acolher crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade e que precisem de um lar provisório.

Na solenidade simbólica, realizada no gabinete da Prefeitura, foram habilitadas a participar do programa os casais Maria Geralda Silva de Oliveira e Clébio Alves de Oliveira e Edson Bonifácio Gonçalves e Marley Aparecida Costa Gonçalves.

As famílias foram previamente selecionadas e participam de um processo de formação para receber e assistir as crianças e adolescentes até que elas possam retornar à família de origem e/ou extensas ou serem adotadas. 

O Acolhimento Familiar oferece tratamento humanizado e individualizado às crianças e adolescentes sob medida de proteção, além de garantir-lhes o direito fundamental à convivência familiar (art. 227 da CF). Trata-se de um serviço de alta complexidade, da proteção social especial, dentro do Sistema Único de Assistência Social-SUAS.

As famílias que quiseram fazer parte do serviço de Família Acolhedora basta entrar em contato pelo telefone: (31) 3847-7640 ou por e-mail: familiaacolhedoratimoteo@gmail.com


 

Fonte : PMT

Compartilhe:

Galeria de Imagem

VEJA TODOS COMENTÁRIOS


ATENÇÃO: Este comentário será moderado, podendo ser aprovado ou não. Evite palavras que possam comprometer sua imagem.